Olá, Bellos!

Hoje quero compartilhar com vcs mais um biscoitinho super tradicional no Natal aqui na Alemanha!

Estes biscoitinhos conhecidos como Linzer ou Spitzbuben, ou ainda Linzer Plaetzche, tem origem austríca, assim como a VanilleKipferl, que também vem lá da Áustria que já postei aqui no site, essas delicinhas mas são bem comuns aqui na Alemanha na época do natal.

Biscoitinhos caseiros é uma dos mimos favoritos dos alemães para presentear amigos, família e tradição que não pode faltar na ceia de Natal

VANILLEKIPFERL

São biscoitinhos amanteigados, com toque de amêndoas e especiarias, macios, que derretem na boca e sempre recheados com geléia frutas vermelhas ou damasco.

Por aqui a produção é levada a ´sério por todo alemão que se preze, inclusive existem cortadores e especiarias específicos para essa bolachinha, mas calma, é possível prepara la com tudo que temos em casa.

Em meados de Setembro já é quase impossível encontrar favas de baunilha em mercados populares como Aldi e Lidl, isso significa que o preparo das bolachinhas de Natal já estão à todo vapor.

Aliás, fica uma dica de ouro aqui, como já mencionei em outras receitas alemãs aqui no site, os Alemães não usam essência ou extrato de baunilha.
O motivo das favas sumirem dos mercados é que, eles preferem preparar o aç´úcar baunilhado com antecedência, e usa lo em suas receitas de Natal para o aroma e sabor perfeito. E super recomendo usa lo nesta receita, caso já tenha pronto em casa.

AÇÚCAR BAUNILHADO

Outro ingrediente muito usado em todo biscoitinho alemão é o Mix de Especiarias.

Aqui na Alemanha essas especiarias são bem comum e fáceis de serem encontradas em todo mercado, mas apenas durante o período de Natal.
São preparadas especialmente para os famosos biscoitos do Natal alemão, mas podemos preparar em casa, e guardar bem fechadinho em um potinho para usar sempre que desejar. Inclusive, é a combinação perfeita para usar na preparação do nosso pão de mel.

Mix de Especiarias
5g canela em pó
2g gengibre em pó
5g cumaru*
2g coentro em pó
5g raspas de limão
5g raspas de laranja

Cumaru – Quando li na embalagem do fabricante de especiarias o nome Tonkabohne, não tinha ideia do que se tratava, então fui pesquisar.
E para minha surpresa, essa especiaria é de origem do norte do Brasil e outros países da América do Sul, onde recebe o nome de Cumaru ou Baunilha Brasileira.
É uma semente, assim como a Noz Moscada, geralmente usada ralada em receitas.
Pode ser encontrada em lojas e sites de produtos naturais.

Cumaru, a baunilha brasileira. Foto site BBC Brasil.

Caso tenha um moedor de especiarias em casa, recomendo moer tudo junto na hora do uso, inclusive as raspas de limão e laranja.

Depois de tudo misturado, mantenha num pote hermético por até 1 ano, e use em receitas de pão de mel, bolos, Cupcakes, muffins, creme de manteiga, churros.

Geléia
Para o recheio use a geléia de sua preferência, se tiver frutinhas frescas ou congeladas sobrando em casa pode preparo sua própria geléia em menos de 20 minutos.
clica aqui:

COMO FAZER GELÉIA E PURÊ DE FRUTAS EM CASA

Especiarias preparadas, açúcar já aromatizado, recheio pronto, vamos para a receita.

Mercadinho
80g Manteiga sem sal, macia
40g açúcar cristal ou demerara (baunilhado, caso tenha)
30g mel
30g ovo (¹/² ovo)
5g extrato ou essência de baunilha
30g farinha de amêndoas
130g farinha de trigo
10g especiarias
raspas de 1 limão
2g sal

Preparo
A receita é rápida e super prática, então não precisa de batedeira, use espátula ou colher de pau, mas evite amassar com as mãos, isso vai aquecer demais a manteiga e alterar a consistência da massa, deixando o biscoito oleoso depois de assado.
O mesmo acontece na substituição da manteiga por margarina, então evite essa troca.

  1. Prepare os ingredientes secos, coloque numa refratário a farinha de trigo, a farinha de amêndoas, o sal e as especiarias, mexa bem e reserve.
  2. Nesta receita é necessário apenas meio ovo, então escolha o menor ovo que tiver em casa, quebre num potinho, bata por 2 minutos com um garfo, e reserve metade da quantidade.
  3. Numa vasilha coloque a manteiga macia junto com o açúcar e amasse por uns 3-4 minutos, até formar um creme fofo, sem pontos de manteiga visível.
  4. Junte a metade do ovo e a baunilha e misture bem.
  5. Acrescente o mel, misture mais um pouco.
  6. Junte os ingredientes secos, peneirados e mexa delicadamente, até formar uma massa lisa e homogênea.
    essa massa leva mel, então é normal estar grudenta e mole, mas não deve grudar demais nas mãos.
    Evite acrescentar mais farinha.
  7. Embale bem e leve para gelar por um período de 4 até 48 horas antes de assar.
  8. Depois do tempo de geladeira, abra a massa entre duas folhas de papel manteiga, polvilhados com farinha, deixe com no máximo 0,5cm de espessura.
    É um biscoitinho recheado, então não a massa deve ficar ficar grossa demais.
  9. Na hora de cortar as bolachinhas, caso a massa esteja grudando, passe o cortador na farinha ou amido ou açúcar para facilitar o corte.
  10. Coloque as bolachinhas no verso de uma assadeira lisa com pelo menos 1cm de distancia entre eles.
    Essa amassa não leva fermento, então não vai crescer muito no forno, o que permite usar a máximo de espaço na assadeira.
  11. Separe as bolachinhas em duplas, e em uma das partes faça um corte ao centro, usando um cortador menor ou bico de confeitar.
  12. A massa deve ser assada gelada, então leve para gelar por 20min enquanto aquece o forno à 170ºC.
  13. Asse por 8-9 minutos ou até que as bordas estejam levemente douradas.
  14. Retire da assadeira quente, deixe esfriar sobre uma grade.
  15. Depois de frios, polvilhe açúcar de confeiteiro e recheie com sua geléia favorita, finalize com a parte que tem o corte ao centro.

Bolachinhas prontas para servir e adoçar a vida de pessoas queridas.

Rendimento, Validade e Armazenamento

Os Linzers podem ser preparados com até 2 meses de antecedência, mas rechea-los apenas no dia de presentear ou servir, pois em contato com a geléia a massa fica macia.
Então mantenha muito bem embalado em potes herméticos, de preferência de vidro, para evitar sabores e odores.

Depois de recheados, devem ser consumidos em até 5 dias, caso tenha sido preparados com geléia caseira e até 10 dias com geléias industrializadas.
Mas lembre se, a massa ficará macia depois de recheados.

A massa pode permanecer na geladeira por até 5 dias antes de assar e congelada por até 2 meses.

Quanto rende?
Em massa essa receita rende em média 350g.
Eu dividi a massa em 25 biscoitos de 15g cada um, então depende da espessura que abrir a massa e tamanho do cortador usado. 😉

Espero muito que tenha gostado desta receita, se testa la, me mande uma foto lá no meu Instagram, ok?

Te desejo um feliz Natal, e um novo Ano cheio de luz e alegria!
com carinho,
Raquel