OLÁ, Bellos!!

Hoje quero compartilhar com você a receita de uma Pão Doce fofinho, super saboroso, receita muito versátil que pode ser doce, salgada, recheada, com castanhas, com queijo, com frutas desidratadas, com cobertura, sem cobertura, do jeito que você quiser!

Eu pensei nesta receita na versão doce para o Dia das Mães, um jeito adocicado para começar esse dia, ou pra servir no café da tarde!

Criei duas versões diferentes usando exatamente a mesma receita, uma simples, finalizada com calda de mel e limão, e outra mais recheadihha, com massa de limão e cranberries, e decoração.

Essa receita é super fácil, rápida, não precisa sovar demais, mas claro que, se você não gosta de meleca as mãos ou sujar demais a sua pia, bancada ou cozinha, sugiro usar uma batedeira com o batedor de gancho ou raquete, mas não o fouet!

Agora, se estiver preparando esse pãozinho para dar de presente para sua mãe, coloque a mão na massa, é o jeito mais especial de sentir o processo de produção, e colocar ainda mais amor no presente preparado. Crie coragem, e faça seus doces sempre com amor, com a mão na massa!

A receita pode ser duplicada, triplicada.

Nesta receita eu usei raspas de limão para deixar com cheirinho e sabor especial, e a primeira dica aqui é, para que a massa tenha um sabor mais intenso, fique mais perfumada, e mais fofa, prepare na noite anterior.

Se está vendo essa receita só agora, e quer fazer ainda hoje, prepare pelo menos 4 horas do seu dia para poder finaliza la, isso já considerando os tempos de descanso até assar, já o passo a passo é rápido, e muito fácil!

Mas como toda boa receita, o tempo de descanso traz melhores resultados.

Essa receita é um tipo de Brioche, que adaptei, já que esse pãozinho francês deve ser consumido fresco, e de preferência quentinho, como torrada, já que ele normalmente resseca com facilidade.

Mas ainda assim, depois de ressecado, existem mil formas de aproveita lo na confeitaria e na cozinha salgada, nunca se desfaça de uma Brioche passadinha ou sequinha!

Lá no final deste post deixo algumas sugestões de uso!

Primeira coisa, tire a manteiga da geladeira, e deixe em temperatura ambiente por no mínimo 20 minutos, e sim, tem que ser manteiga, nada de margarina, e precisa estar molinha, ponto pomada!

Eu não sou da área de panificação, mas tenho uma paixão por ela, mas confesso que sou Padeira Nutella, e sempre optei em usar o fermento instantâneo para pães e pizzas, aquele que não precisa nem de água morna!

Mas aqui na Alemanha, nessa época de quarentena, acredito que como no Brasil e resto do mundo, todo mundo decidiu ir pra cozinhar e usar fermento, e está impossível de encontrar em todos os mercados.

Com sorte, é possível encontrar o fermento fresco, e as medidas são diferentes para cada tipo de fermento biológico.

Dica
Fermento em pó é mais forte que o fresco, então caso a receita peça po 10g de fermento fresco, use apenas 5g do fermento instantâneo seco, ok?

MASSA

130g manteiga temp. ambiente, cortada em cubos
10g fermento fresco
50ml leite morno
20g açúcar
150g Ovos levemente batidos com um garfo (3 unidades médias)
1cl ch extrato de baunilha
300g farina de trigo
4g sal
Raspas de ¹/² limão siciliano ou 1 limão Tahiti (opcional)
70-100g frutas desidratadas (opcional)
ovo extra para pincelar
manteiga extra para untar

Para versão salgada altere:
7g sal
15g açúcar

Separe todos os ingredientes!

Dica!
Se optar em usar as raspas de limão, comece por elas!
Junte as raspas à farinha e ao sal, misture bem e reserve.

PREPARO

  1. Em um bowl coloque o leite morno, junto com o fermento esfarelado e o açúcar, misture bem até que o fermento dissolva.
  2. Acrescente os ovos, que devem estar levemente batidos comum garfo antes de adicionar à mistura, assim ele incorpora com mais facilidade.
  3. Acrescente o extrato de baunilha e misture.
  4. Junte a farinha com as raspas e amasse até formar uma bolinha, não precisa sovar e nem precisa ficar homogênea nesse ponto, cubra com um pano de prato e deixe descansar por uns 15 minutos.
    Mesma coisa se estiver usando uma batedeira.
  5. Polvilhe um pouquinho de farinha sobre a pia ou bancada, bem pouquinho mesmo, e sove, de leve esticando e puxando a massa com o punho, e tente manter uma das mãos sempre limpa, isso facilita muito o trabalho.
    Se tiver um alisador de bolo em casa, ele é super util pra raspar a massa da bancada de trabalho, e das mãos.
    Se não tiver, pode fazer um com a tampa de um pote de sorvete, ou até mesmo usar uma régua escola limpa!
  6. Continue esticando e puxando por uns 5 minutos, vai notar que a massa já começa alterar, agora é hora de adicionar a manteiga, mas aos poucos! Antes de adicionar a manteiga, deixa a massa descansar por 2 minutos.
  7. Divida a quantidade de manteiga em 4 partes, mais ou menos iguais, e ele será adicionada assim, 1/4 de cada vez.
    Coloca uma parte e sove por 2 minutos, até notar que não tem mais traços da manteiga na massa.
  8. Acrescente mais 1/4 da manteiga, sove por mais 2 minutos, e repita o passo até acionar toda a manteiga.
    Mesma coisa no uso da batedeira, aqui, a manteiga pode ser usada em cubos, e colocar um de cada vez, com um intervalo de mais ou menos 30 segundos entre um cubo e outro, não adicione a manteiga de uma única vez!
  9. Nesse ponto a massa deve estar macia, lisa e brilhante, fofinha, molinha, desgrudando com facilidade das mãos, ela não é uma massa firme de pão.
    Se estiver usando a batedeira, ela deve estar desgrudando das laterais do bowl e quando para de bater deve escorrer lentamente do batedor, e não virar uma bola de massa em volta dele, como massa de biscoito.
  10. Modele uma bolinha com a massa, coloque num bow e deixe descansar até dobrar de volume, dependendo do clima pode levar de 1h-2h.
    No Meu caso foram 2h.
    dica
    Este primeiro passo pode ser feito na noite anterior, dcubra a massa com plástico filme e deixe descansando na geladeira durante a noite.
    O pão vai ficar mais fofinho, mais gostoso e com sabor ainda mais intenso.
  11. Usando frutas: Depois de dobrar de volume, polvilhe farinha sobre a mesa, com os dedos, puxe as pontas da massa, para abrir um retângulo, adicione as frutas espalhadas sobre a massa, e puxe todos os cantos da massa para o centro, sem apertar demais, apenas o suficiente para misturar as frutas à massa.

Neste ponto a massa deve estar macia, molinha, fofinha, mas sem grudar nas mãos, e agora precisa dobrar de volume de novo, antes de assar, ou o pão vai ficar pesado, e denso.

Por mais que seja tentador, não adicione mais farinha à massa, isso pode deixar o pão massudo, pesado. Se estiver grudando nas mãos, apenas polvilhe um pouquinho de farinha para pode manusear, mas não adicione mais farinha à receita!

Este passo deve ser feito já na assadeira ou forma ou panela que for assar seu pão.

Para o pão em formato de coração usei uma panela de ferro, de 18cm, e para a em forma de flor usei uma assadeira de 15x9cm, ambas untadas com manteiga.

Sim, essa massa é tão maravilhosa que assa bem em qualquer tipo de assadeira, ou panela ou cerâmica, ou seja, pode ser em assadeira de pudim, de bolo inglês, em panelas de ferro ou cerâmica, no formato que quiser.

O importante é que ela seja cortada em pedaços menores, e modelados bolinhas ou rolinhos, mas as bolinhas sempre funcionam melhor.

Se puder, pese a massa e divida em partes iguais, por exemplo, 500g em 10 bolinhas de 50 ou 5 de 100g.

Ahhh, pode ainda assar em porção individual, de 50-80g, em ramekins, ficam lindos para o café da manhã ou lanchinho da tarde, da criançada.

Essa massa é a coisa mais maravilhosa da vida! Muito versátil, simplesmente AMO!
Faço Brioches, pão de Hambúrguer, pãozinho em porção individual para café da manhã, recheada com queijo ou linguiça.

Modele as bolinhas no tamanho desejado, e coloque na assadeira ou panela, uma grudadinha à outra, desenhando o formato da assadeira.

Dê uma leve amassadinha sobre elas, para não criar bolhas na casca.

Depois é cobrir com pano de prato, e deixar dobrar de volume mais uma vez, pode levar de 45min – 2h dependendo do ambiente.

Quando notar que falta pouco para dobrar o tamanho, já deixe o forno pré-aquecendo por uns 20 minutos, à 180ºC.

Prepare o ovo batido com um pouquinho de água fria para pincelar.

Se tiver bolhas nas bolinhas, fure com um palito de dente, elas podem quebrar a casca do pão depois de assado.

Pincele delicadamente o ovo sobre elas, e leve para assar.

ATENÇÃO AO TEMPO DE FORNO:

O tempo de forno varia de acordo com o tipo de molde, assadeira e panela usado.

Pequenas porções podem assar em até 12 minutos.

Em quantidade maior de massa na mesma panela ou assadeira ou tempo pode variar de 18-25 minutos.

dica
Só retire do forno quando estiver dentro do tempo estimado, mas esteja volumosa e dourada.
Eu acreditei cegamente no meu forno desregulado, e cometi o erro de tirar meu pão cru do forno.

Os dois pães são feitos com a mesma receita, apenas com a diferença de frutas, assadas por exatamente 25 minutos!
Uma estava no ponto perfeito, o segundo estava douradinho por fora, mas quando cortei, estava cru.

Observe o peso da assadeira, este pão depois de assado fica leve e fofo, não pesado e denso, e eu mesma ignorei esse sinal! Excesso de confiança também é problema na cozinha!

Depois de retirar do forno, se preferir mais douradinho, mantenha o forno à 160ºC, retire o pão da panela ou assadeira, coloque direto na grade do fogão, por 5 minutos.
Assim ele ai criar uma casquinha e ficar bem douradinho por fora e macio por dentro.

Retire e deixe esfriar sobre uma grade.

FINALIZAÇÃO E DECORAÇÃO

Como dito lá no inicio da postagem, eu fiz duas versões diferentes para inspirar à sua criação, um simples com calda de Mel e Limão, e uma com Calda de Açúcar decorada.

CALDA DE LIMÃO

2cl sp mel
1cl ch suco d elisão (apenas suco, sem gomos)

Misture bem. Se ficar liquida demais, coloque mais mel.

Coloque o pão sobre uma grade, e a grade sobre uma assadeira, assim não corre o risco de meleca seu espaço de trabalho.

Coloque a calda aos pouquinhos sobre o pão, se ela estiver liquida demais vai escorrer por todos os lados. Deixe secar por alguns minutos e coloque mais um pouquinho, finalizar com castanhas picadas.

CALDA DE LIMÃO CREMOSA

1 xícara açúcar de confeiteiro
2cl sp suco de limão, coado

Coloque o açúcar num refratária e vá adicionando o suco de limpa aos pouquinhos, até que atinja a consistência cremosa, não líquida.

Coloque sobre o pão doce e espalhe com uma espátula.

Essa calda é super maleável enquanto ainda está úmida, então se faltar calda em algum cantinho, por mais que pareça seco, pode colocar um pouquinho mais e alisar com a espátula.

Decore com confeitos, bombons, flores comestíveis, o que tiver em casa!

No meu pãozinho usei Macaron e Mini Suspiros que podem ser feitos com dias de antecedência e já ensinei como fazer!

MACARON

SUSPIROS

RENDIMENTO E VALIDADE

Esta receita rende em média um pão de mais ou menos 550g, ou mini pães, dependendo da forma que escolher assar.

A massa pode ser congelada por até 2 meses, muito bem embalada em plástico filme.
Quando quiser usar, retire do plástico filme, coloque em um bowl, cubra com pano de prato e deixe na geladeira até descongelar totalmente e voltar a ficar fofinha de novo.

Depois de assado também pode ser congelado, para manter fofinho, congele no mesmo dia, embale em plástico filme, coloque em um ziplock, e mantenha no congelador por até 2 meses.

Enquanto estou escrevendo esse texto, meu pãozinho ainda está na minha cozinha, com 5 dias, e super fofinho, apenas embalado no plástico filme!

Consuma em até 1 semana, sempre de olho em alterações na textura, cor, cheiro e sabor.

REAPROVEITANDO SOBRAS DE PÃO

Os pãezinhos depois de alguns dias podem ressecar, e ainda assim renderem boas receitas!

Entre as minhas favoritas estão a Rabanada, torradas, Pudim de pão, Torta de pão, ideias não faltam!

Espero muito que tenha gostado desta ideia!
Se testa la, quero muito ver a sua versão, então publique uma foto com a #bellariachocolatier ou #receitasdabellaria, ou me marquei numa foto em seu Instagram, @bellariachocolatier!

Obrigada, que este pãozinho adoce seu dia ou da sua mãe!
Feliz Dia das Mães!

beijos,
Raquel