Olá, Bellos!!

Mais uma receitinha deliciosa aqui no Blog! Hoje vamos de Trufas Irregulares, ou simplesmente Trufas!

É muito comum ouvirmos pessoas chamando aquele creminho de chocolate com creme de leite de “trufa”, mas aquele na verdade é o Ganache, que também faz parte da Trufa!

A Trufa é um dos docinho, vou dizer que é da Europa, pois não se sabe ao certo se ela surgiu na França ou na Bélgica, mas seus primeiros relatos foram por volta de 1870 e 1890, é um doce muito famosos e refinado, muito fácil de fazer, e na minha opinião, um dos doces mais deliciosos do MUNDO!
Mas muita gente se pergunta, como é que esse docinho é feito? Qual a diferença então entre a Trufa e o Ganache?

Pois bem, é sobre isso que vamos falar nesse post, o que é, o que muda e como faz!
A principal diferença entre os dois é o acabamento, na verdade o Ganache, como já citei, é apenas o creme, e só.

Trufa é o nome recebido pelo docinho após a sua finalização, ou seja, depois de receber a casquinha no processo final e o cacau em pó,  e então esse docinho são bolinhas irregulares, um pouco maior que nossos tradicionais brigadeiros, depois de banhadas nem todas iguais e ficam muito semelhante ao fungo chamado Trufa, por isso este nome!
E muitas vezes as trufas recebem licores e frutas para obter outros sabores.

Elas recebem esse nome por serem visualmente semelhantes às raras trufas Negras. (foto Net)

Como eu disse acima, não precisaremos de muitos ingredientes, é um dos docinhos mais gostosos e simples de fazer, mas também é um docinho fino, de alta qualidade, refinado, com ingredientes mais puros possível, e como tudo que envolve Confetaria e Chocolate, precisa de paciência no preparo.

Não se faz Trufas com chocolate fracionado, nem mesmo a casquinha, lembre, é um produto nobre, de alta qualidade, e assim tem que ser os ingredientes também, caprichados!

As Trufas são geralmente feitas com chocolate amaro, é o mais tradicional, mas se preferir pode fazer de chocolate ao leite, e mesmo o branco, este por sinal, você pode variar o sabor brincando com frutas e licores, por exemplo!

Ingredientes:

? 200g de chocolate Nobre, ou seja, de qualidade – picado ou em gotas
? 100g de creme de leite, se possível fresco, sem soro
? 1 colher de chá de licor ou destilado – se preferir mais sabor, adicione duas.
Uma boa sugestão são os Conhaques ou se você tiver acesso fácil, Licores Irlandeses (tipo Amarula)

Para o Acabamento:
? 200g chocolate Nobre – picado ou gotas
? 1/2 xícara de cacau em pó.

Proporções para cada sabor de chocolate:
?200g de chocolate amargo – 100ml de creme de leite
?200g de chocolate ao leite – 70ml de creme de leite
?200g de chocolate branco – 50ml de creme de leite
As receitas podem ser dobradas, triplicadas…. desde que sejam proporcionais.

Modo de preparo:
Vamos começar fazendo o Ganache básico.
Microondas: em um refratário de vidro, derreta de 30 em 30 segundos, sempre parando para mexer, e nunca passando de 2 minutos, na potência média. Muito cuidado, micro queima o chocolate facilmente.

Banho-Maria: coloque um refratário de vidro e uma panela menor que o refratário, de forma que o vidro não encoste na água, e fica preso à borda da penal, assim não temos riscos de queimar o chocolate, de espirrar água no chocolate ou mesmo o vapor tenha contato com o chocolate. A água não pode ferver, isso queimará o chocolate, quando a água estiver bem quentinha, coloco o chocolate no refratário e vá mexendo sempre, até que derreta totalmente. Se for necessário ligue o fogo novamente, mas baixo e por no máximo um minuto.

Ganache

Depois que o chocolate derreter, retire do micro, ou do banho-maria, e adicione o creme de leite, sempre mexendo bem, depois adicione o licor ou destilado escolhido.
Só isso, como eu disse, é simples! Agora deixe esse Ganache firmar, isso poderá levar até 8 ou 10 horas, mas, caso não tenha esse tempo todo para terminar, minha dica é deixar na geladeira por pelo menos 2 horas antes de fazer as bolinhas, ainda assim elas poderão derreter na mão,afinal é chocolate puro,  mas ajuda a antecipar o processo.

Finalização:

Depois que o Ganache estiver firminho, vamos fazer as bolinhas, ela precisam ser do tamanho de um brigadeiro gourmet, não muito pequeno, mas também não muito grande, pois ainda vai ser banhado, e ficará bem maior que isso.

Estamos trabalhando com chocolate de qualidade, puro, e creme de leite, então não se assuste, só de por na mão as bolinhas podem amolecer e derreter, essa é a ideia, então depois de modelar todas as bolinhas, leve à geladeira por mais ou menos uns 40 minutos.

Enquanto elas firmam, vamos preparar o chocolate para banhar.
Bom, aqui temos duas opções… ou vamos para o tradicional Choque Térmico, sim, chocolate Nobre precisa dele, aqui no Blog tem um post explicando tudinho.
Ou optamos para a polêmica Técnica dos 34C.
Lá no nosso Canal no Youtube, vou deixar o video no final deste post, e assim, essa técnica ajuda MUITO no caso das Trufas, primeiro porque estamos trabalhando com bolinhas puras de chocolate, e elas podem começar a amolecer antes de você terminar de banha -las, e você vai levar um tempão para terminar o processo se tiver que ficar parando o banho para o tempo de geladeira para firmarem de novo, novo choque térmico, tempo de geladeira… e  por aí vai…

espere firmar para modelar as bolinhas

Enquanto gravava o video das Trufas, eu me esqueci completamente da técnica dos 34C, só me lembrei quando notei que não calculei a quantidade chocolate suficiente para banhar todas as minhas trufas, mas depois, não pensei duas vezes, e foi com essa técnica que acabei de banha-las.

Muita gente acha que essa técnica não deixa brilho e crocância, nunca tive esse problema, e na correria, ela me ajuda muito, então eu super recomendo.

Bom, voltando, depois de banhadas as nossas bolinhas, deixe as descansarem no papel manteiga e volte as para a geladeira, até as casquinhas secarem, retire da geladeira, recorte as rebarbas, e passe no cacau.

Caso aconteça de você ter duas remessas de trufas banhadas e esqueceu de passar a primeira remessa no cacau assim que saíram da geladeira, o cacau não vai grudar 100% nelas, então volte as para a geladeira por mais uns 20 minutos, e assim que retira-las, passe no cacau novamente.

Protinho!!!
Simples assim para fazer as famosas Trufas Irregulares! Deliciosas, chiques, refinadas, finas, e não tem que não goste!
Vale a pena demais testar essa receita!

Rendimento: em média 20 trufas.
Prazo de validade:
em média 10 dias fora da geladeira, e 30 dias na geladeira, mas como eu disse, é um doce refinado, e deve ser servido o mais fresco possível, e lembre se, chocolate na geladeira fica suado e pode sofrer alterações com a baixa temperatura, não que estrague, mas evite, guarde lá apenas chocolates que serão usados em outras receitas, tipo brownies, ou recheios de ganache.

Abaixo deixo o video com todo o passo a passo desta receita e também do Ganache e Chocolate Nobre sem Choque Térmico.
TRUFAS IRREGULARES(passo a passo):

GANACHE:

CHOCOLATE NOBRE SEM CHOQUE TÉRMICO: