Olá, Bellos!

Se você me acompanha lá pelo Instagram ou Canal no Youtube, já deve ter passeado comigo pelos vilarejos aqui no interior da Alemanha.

Nesta receita em especial, levei vocês para conhecer uma vendinha de abóbora e outras quitandinhas em um desses vilarejos, e mostrei como funciona!
Nessa vendinhas não tem vendedor, os produtos ficam expostos, Você escolhe o que deseja, e deixa a moedinha no lugar indicado pelo vendedor.

E tem lojinha de tudo que imaginar, tem de ovos frescos, de verduras e vegetais, tem vendinha de leite fresco e queijos, tem até campos, que você colhe as próprias flores durante o verão.
E é incrível o respeito e cuidado da população com esse tipo de comércio.

Então depois de passear pela vendinha de abóbora, vamos lá, pra esse doce que me traz boas lembranças da infância na casa da minha avó.
Mas se você caiu de paraquedas neste post e, não teve a oportunidade de conhecer essas lojinhas que contei aqui, é só assistir este vídeo publicado no canal, clica aqui pra ver.

No Brasil é super comum encontrarmos abóboras com muita facilidade, em quase todas as regiões, e em muitas delas durante o ano todo. Em algumas lojas até já estão cortadas, sem cascas ou sementes, por aqui não…

As abóboras são mais comuns aqui pela Alemanha durante o outono, que acontece entre os meses de Setembro a Dezembro, mas encontra las para consumo mesmo, eu diria de setembro até meados de novembro, depois somem das prateleiras, e você terá que esperar pela próxima estação.

Além de ter mil tipos diferentes, que muitas delas eu nunca nem vi, ou tive a oportunidade de experimentar, ainda.

Sendo assim, digamos, um produto sazonal por aqui, decidi aproveitar a chance e fazer essa receita de Doce de Abóbora.
A receita em si, foi repassada pela minha sogra, que costumava fazer bastante pra gente, enquanto estávamos no Brasil. Mas o sabor e cheirinho desse doce, me lembra demais minha vozinha querida!

A receita é muito básica, praticamente abóbora e açúcar:
Para cada 1kg de abóbora, eu recomendo começar com 200g de açúcar, e ir ajustando para seu paladar durante o cozimento.
E podemos adicionar mais sabor, e deixar a sobremesa ainda mais gostosa.

Eu trouxe pra casa uma abóbora Hokkaido de 2kg para fazer esse doce, recomendado por uma senhora lá na vendinha, mas no Brasil, sugiro usar a abóbora pescoço.

Como retirar a casca e sementes

pré-aqueça o forno à 200C

Para retirar a casca, existem diversas formas diferentes, eu gosto de cortar a abóbora ao meio, raspar as sementes com uma garfo ou colher, ou até mesmo com os dedos, do jeito que achar mais fácil.

dica
Não jogue fora as sementes, lave muito bem, deixe secar, a asse temperadinha com sal e especiarias, ficam perfeitas para usar em salada, pães, ou para petiscar na hora da fome.

Depois de retirar as sementes, corte em gomos e coloque numa assadeira, cubra o fundo da assadeira com uns 2 dedos de água já quente, coloque alguns cravinhos, 1 pedaço de canela em pau, cubra com papel alumínio e forno por uns 25-30min.

Quando conseguir perfurar a polpa com um garfo, retire do forno, reserve a água, ela pode ser útil durante o cozimento.
Passe uma faca lisa entre a base do gomo e da polpa, a casca deve sair facilmente.

Ingredientes
para cada cada tipo de abóbora, talvez seja necessário ajustar a quantidade de açúcar e aumentar ou diminuir o tempo de cozimento.
Quanto mais firme a abóbora, mais água seja necessária durante o cozimento.

1kg de abóbora da sua preferência, já sem casca e sem semente.

200 açúcar cristal ou refinado ou demerara
8 cravos da índia
2 pedaços canela em rama (pau)
20-30g coco ralado (opcional)
1 pitada de sal
1cl ch extrato baunilha, opcional
água que sobrou na assadeira, se necessário

Se não quiser pedaços de abóbora no doce, processe com um pouco da água reservada, ou pique em pedaços bem pequenos antes de cozinhar.

Preparo

  1. Na panela, de fundo grosso e bordas altas, coloque a abóbora, junto com o açúcar, e as especiarias que desejar, o sal, mexa bem.
  2. Leve para cozinha em fogo médio/baixo por aproximadamente 30 minutos, isso depende muito do tipo de abóbora escolhida, fique de olho na textura e cozimento que deseja.
    mexendo sempre, com cuidado, o doce borbulha e espirra, e pode queimar suas mãos.
  3. Experimente se é necessário aumentar a quantidade de açúcar.
    Adicione o coco ralado, e continue mexendo até atingir ponto cremoso, quando passar a espátula, consiga ver o fundo da panela.
  4. Dependendo do tipo de abóbora que escolheu, talvez firme demais, use a água reservada para adicionar durante o cozimento, ela está cheia de aroma e sabor.
    coloque aos poucos, continue o cozimento, mexendo sempre, até que toda a água seja absorvida, repita até atingir a consistência desejada.
    dica
    Se estiver espirrando demais, baixe o fogo, mas não tampe a panela!
  5. Por fim, adiciono a baunilha, misturo bem, e sobremesa pronta!
  6. Retire da panela quente, coloque num refratário, espere baixar a temperatura, cubra e leve para gelar.

Uma receita fácil, simples, com poucos ingredientes, e muito gostosa.
perfeita para os dias quentes do verão.

Se fizer essa receita, quero muito ver a sua versão, então me mande uma foto lá pelo meu instagram, clique aqui!

Espero muito que tenha gostado, te vejo em breve,
beijo,
Raquel Cicolin